Maria

O pai de Maria havia vários dias achava que a filha estava estranha. Comia muito, sofria de enjôos, parecia muitas vezes indisposta e com humor inconstante. Levou-a ao médico, de quem ouviu espantado a razão de tudo: Maria estava grávida.

A notícia pegou de surpresa a todos. Como havia acontecido? Teria sido algum amigo de escola, algum primo? Maria negava; dizia jamais ter feito qualquer ato que pudesse levar a isso, fato que um outro exame médico comprovou: Maria era virgem. Teria sido um milagre, então? O pai de Maria se recusava a acreditar; vinha de uma família de céticos, que há muito haviam expurgado da sua linhagem qualquer tipo religiosidade.

Decidido a descobrir como aconteceu, o pai de Maria pediu a filha que refizesse seus passos das semanas anteriores, desde antes do momento em que começou a sentir os enjôos da gravidez. Ela contou que tudo começou após ter lido um livro, que mostrou ao pai; ele o pegou, folheou algumas páginas, leu algumas linhas e atirou ao chão, num gesto que transbordava raiva e indignação.

Descobrira o que havia acontecido, afinal: Maria estava grávida de um poema.

Anúncios

2 Responses to “Maria”


  1. 1 Givoleinesom 09/08/2009 às 03:51

    Sério.
    N tinha como não comentar isso aqui!
    E olha que eu nem vim vasculhar o seu blog.
    achei no “navegador de tags” do wordpress e resolvi ler.
    sério (biz) (aheiuehiae)
    Fantástico.
    Eu ia falar um monte de blá, blá, blá, mas dexa quieto. Elogiando assim ja tá bom.
    aehaeiuhaae
    té +

  2. 2 Bruno 09/08/2009 às 11:53

    heheheh, valeu =P


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sob um céu de blues...

Categorias

Arquivos

@bschlatter

Estatísticas

  • 198,801 visitas

%d blogueiros gostam disto: