Relato

Hoje eu acordei mal. O corpo doía; a cabeça latejava, e ao menor movimento o quarto parecia dar uma volta inteira em torno de mim. Algo parecia se mover dentro da barriga, como um ninho de ratos em um mar de cafeína. Tentei fechar os olhos e dormir de novo na esperança de acordar melhor, mas o enjôo apenas piorou – a própria escuridão parecia girar enquanto eu me virava para o lado.

Abri os olhos novamente e suspirei, deixando o ar entrar como ácido nos pulmões. Levantei com dificuldade, me apoiando na escrivaninha ao lado da cama; era difícil me manter em pé, e ainda mais caminhar em linha reta. Cambaleei até a porta do quarto e então pelo corredor até a cozinha.

Abri a geladeira. A comida não parecia me causar náuseas; peguei uma garrafa de água e um pedaço de pão no balcão ao lado e fui para a sala. Desabei sobre o sofá e arrisquei algumas mordidas. Com dificuldade, bebi alguns goles, deixando a maior parte deles escorrer pelo queixo e o pescoço. Aos poucos o mundo parava de girar, e achei que começava a melhorar. Foi quando vi o jornal do dia sobre a mesa.

Larguei a garrafa, estiquei o braço e peguei o jornal. Tentei ler a primeira linha da manchete principal, mas o enjôo voltou, e eu fechei os olhos em reflexo. Abri e tentei ler novamente: outra vez enjôo, náusea, tontura; senti um líquido subindo pela garganta, e corri para o banheiro.

Por pouco cheguei a tempo de vomitar sobre a pia. O suco gástrico queimava enquanto saía em um jato quente; parou, engasguei algumas vezes, e ele voltou a sair, e mais uma vez, e outra. Quando afinal não havia mais nada a ser expelido, olhei para pia e o lago de vômito que havia se formado: não eram pedaços de comida que ele continha, nem mesmo sucos e outros líquidos; eram letras, e palavras. Aos poucos identifiquei nomes, lugares, situações; uma história inteira que saía de dentro de mim e descia pelo ralo para nunca mais ser recuperada.

Anúncios

0 Responses to “Relato”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sob um céu de blues...

Categorias

Arquivos

@bschlatter

Estatísticas

  • 198,801 visitas

%d blogueiros gostam disto: