Príncipe

Tudo parecia perfeito: do sofrimento anterior, rodeada de perigos no fundo mais sombrio do poço da alma, até o resgate heróico quando tudo parecia perdido, trazendo-a de volta à luz da vida. E tudo levava àquele momento: o abraço apertado, o queixo roçando no cabelo, a tensão aliviada em um único cruzar de olhares. Nada mais daria errado; o mundo era perfeito, e nele só havia esperança.

Os segundos pareciam não passar, e talvez ambos preferrissem que não passasse. Mas ele a segurou pela cabeça, e, olhando profundamente nos seus olhos, disse:

– Tudo bem agora? Então vamos logo que o táxi tá esperando.

Anúncios

0 Responses to “Príncipe”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sob um céu de blues...

Categorias

Arquivos

@bschlatter

Estatísticas

  • 197,163 visitas

%d blogueiros gostam disto: