Curtas

O Xamã

Outra vez só, alheio a tudo e a todos, se aproximou do fetiche de teclas e se preparou para começar o ritual. Bebeu o líquido negro que guiava suas viagens, e, se entregando ao estado de espírito, adentrou o mundo mágico do devaneio e da reflexão. Pois este era o seu dom, e também a sua sina, desde que recebera o chamado da inquietação: a solidão, que o isolava de todos, e o tornava o que era. E esta era a sua mágica: a palavra, o poder de conjurar espíritos adormecidos dentro da introspecção.

Melancólico, bebeu mais um gole, e se deixou levar pelo transe místico.

Verborragia

Foi atingido subitamente por uma pancada criativa, e caiu em meio aos devaneios neuróticos que estavam à sua volta. Da ferida aberta jorravam palavras, manchando seus pensamentos com grandes metáforas vermelhas. Sentia uma dor aguda enquanto gemia idéias, esperando que alguma ponta de lápis o ouvisse e ajudasse a estancar a inspiração com um bloqueio curativo.

Vampiro

Escondido, sorrateiro, ele preparava sua tocaia. Ajeitou a armadilha de palavras, teclando-as com cuidado, uma a uma, esperando que algum navegador ingênuo se aproximasse para apreciá-las. E então, em um movimento súbito, ele atacaria! Com rapidez e fúria, sugaria atenção, opiniões, devaneios, até que sua sede fosse saciada; e por fim voltaria ao seu recanto escuro, escondido do sol da publicidade, onde permaneceria em torpor até ser acordado outra vez pela necessidade de satisfazer seu vício desprezível.

Vende-se

Vendo estas palavras pela módica quantia de alguns segundos. Interessados podem usufurir do produto nesta página pelo tempo que estiverem dispostos a pagar.

Não serão aceitas devoluções.

Anúncios

0 Responses to “Curtas”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sob um céu de blues...

Categorias

Arquivos

@bschlatter

  • Faço greve há anos na educação pública, e é triste fazer uma greve que não afeta ninguém que importa pro jornal nacional. 9 hours ago
  • É óbvio que greve prejudica. Uma das razões dela é mostrar o que acontece quando trabalhadores não veem razão pra trabalhar. 9 hours ago
  • No jornal do almoço: "a gente queria falar das razões da greve, mas como se tem gente prejudicada?" E por que não falar das duas coisas? 9 hours ago
  • Mas já estou vendo certos prefeitos dizendo que sou eu o privilegiado. 10 hours ago
  • A manchete diz "professores vão poder furar teto salarial." Aí leio a notícia, isso afeta juízes, promotores e etc que são professores tb... 10 hours ago

Estatísticas

  • 195,649 visitas

%d blogueiros gostam disto: