Modernidades (2)

– É claro que o Kyo é o melhor, cara, não tem nem comparação! – dizia com ares de especialista o garoto no meio da aula, os livros abertos nas páginas de exercícios, tentando não falar muito alto.

– Putz, tu não sabe o que tá falando! Ninguém vence o Iori! – o outro respondia, no mesmo tom. – Tu devia saber disso, depois da surra que tomou no sábado…

– Surra? Eu? Tu tá sonhando, cara.

– Mas vocês sabem mesmo que a melhor é a King. – o colega sentado à frente se virou para participar da conversa. – E a Blue Mary, ninguém bate as duas.

– Ah, tá. Era só o que faltava, um que joga com mulherzinha.

– Ué, não tenho culpa se eu gosto de mulher, cara.

– Mas… – se calou antes de completar a resposta, notando a aproximação do professor.

– Estou interrompendo alguma coisa?

– Não, professor. – os três responderam quase em uníssono.

– Hum. Melhor assim. – o professor se virou para voltar à própria mesa. – Até porque vocês deviam saber muito bem que o melhor é o Terry Bogard.

Anúncios

2 Responses to “Modernidades (2)”


  1. 2 Maury 04/07/2010 às 21:56

    Enquanto lia eu visualizava o BURP dando aula… Será verídico?
    Pior que um dia eu tava em aula e falei a palavra “constituição”, no sentido de constituir, e vi que um aluno deu uma risadinha. Ele ficou surpreso quando eu disse que sabia o que ele tava pensando…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sob um céu de blues...

Categorias

Arquivos

@bschlatter

Estatísticas

  • 198,255 visitas

%d blogueiros gostam disto: