Paisagismo

Um sol oculto ilumina o céu azul, as poucas nuvens sobrevoando o campo verde que se alarga no ponto onde a vista acaba, enquanto as cabras pastam a grama que se transforma em moitas que se transformam em árvores após a cerca, escondendo de quem as vê todo um universo que expande-se entre suas folhas e galhos, até ser interrompido pela rocha do morro que se eleva no seu limiar, um maciço monte de pedregulhos que sobe até perto dos céus cortado por uma pequena via de destino incerto, logo deixado para trás e cedendo espaço ao vasto lago de ondulações escuras, pássaros e peixes saltitantes, fazendo fronteira com a margem do deserto verde e céu alaranjado do poente, antes que a escuridão fria das luzes artificiais e cubos de concreto que escondem a lua aposse-se do horizonte quando o ônibus enfim chega na rodoviária.

2 Responses to “Paisagismo”


  1. 1 Ana Carolina Silveira 23/01/2012 às 21:19

    Quase baseado na foto do seu cabeçalho…😛

  2. 2 Andrea Belloc Nunes 24/01/2012 às 09:15

    Voltou inspirado de MG… e realmente, concordo com a Caro… quase a foto do cabecalho…


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Sob um céu de blues...

Categorias

Arquivos

@bschlatter

Estatísticas

  • 193,026 visitas

%d blogueiros gostam disto: